sexta-feira, 23 de julho de 2010

Check’in list para casamento? Mais ou menos..

Casamento é a união de duas pessoas que não aguentammmm mais a vida como namorados! Pessoas que vislumbram um futuro juntos, dividindo casa, contas, ideias, sonhos, filhos... e pessoas que não aguentam mais a família perguntando “e aí? Casa quando?” , “Eiii, ele está te enrolando hein? Abre o olho!”. (hehe, meu caso?)


Eu no altar há 2 anos.


Pensando nisso, eu resolvi fazer um post sobre casamento! O motivo é porque ontem fiz aniversário de namoro com meu marido. É, namoro! Falei pra ele que só conto os anos de casamento quando chegarmos aos 10!
Então, como fazer uma check’in list eficiente? Pesquise os vários sites que existem a respeito, pegue todas as listas e faça uma que seja sua. Até ai é fácil.

O negócio fica enrolado quando você começa a pensar na ordem das coisas! O que fazer primeiro? E aí? A lista está certa? Como não me perder?


Nossos Noivinhos, encomendei em SP.


Queridas Titas, cada região demanda uma lista diferente, porque cada caso é um caso. Eu fiquei noiva por dois anos: passei 1 ano curtindo a ideia de ser noiva, vendo revistas, olhando sites e 1 ano enlouquecendo com o casamento.

Então eu resolvi não fazer uma “lista” aqui, mas sim um apanhado de dicas, para que a Tita noiva sinta-se mais tranquila e organizada.

PRIMEIRA COISA: Fazer uma lista prévia de convidados, isso dói, é chato.. mas temos que fazer! Pode ser uma lista básica, do tipo: meu pai tem 12 irmãos, cada um tem uns 10 filhos, que tem uns 4 filhos.. sem nomes. Só números. Total: 250 convidados.

SEDUNDA COISA:
Datas, Datas, Datas. Depois que se sabe mais ou menos a quantidade de pessoas escolha a igreja e o local da festa na mesma época, tem que ter sincronia! Porque se você marcar a igreja, vai escolher a data, se escolher o salão da festa também vai decidir a grande data. Então escolha primeiro o que for mais difícil na sua cidade, o salão ou a igreja e a partir deles você começa a se organizar para casar.

Quando você decide a data, tudo pode ser planejado de tal forma que os pagamentos não coincidam para que não venha a falir a família da noiva (ou o casal, ou o noivo, enfim, o responsável pelo dindin).

Quando você faz o orçamento, os prestadores de serviços sempre dão opções à prazo e opções à vista. Para quem pode pagar a vista, ok, ganha desconto. Mas eu, sinceramente, tive medo de pagar à vista e o pessoal me esquecer. Então tudo que eu paguei eu dividi.

Mas sempre em “blocos” e nunca deixava os mais caros no mesmo bloco de pagamento. Como assim?

O Salão, o Buffet e a Decoração são sem dúvida os itens mais caros da festa. Então, primeiro eu paguei o Salão, depois a Decoração e depois o Buffet.



Minha mesinha de Licor e Café na entrada.



Meu bolo!




Meus pagamentos:


1) Salão + Roupas (Vestido, Fraque, daminhas, pajens) + Música (Igreja) + Igreja.


2) Decoração + Buquês (noiva, daminhas) + Música (Salão de Festas + ECADE)+ Iluminação + Doces (Bombons, bem-casados, ou pães de mel, ou macarrons, bolo, etc)+ Lembrança dos padrinhos + manobristas (no meu caso foi necessário porque tive medo de chuva).

3) Buffet + Cerimonial + Fotos e Filmagem + convite

Sobre o cerimonial: Você pode contratar alguém para indicar profissionais e organizar contratos ou contratar os serviços só para o dia. Como eu só quis para o dia, foi um dos últimos que contratei.

Sobre as bebidas: Aquelas que os Buffets não servem, tipo Whisky, eu pedi pra todo mundo que ia pra fora trazer pra mim uma caixa do freeshop, então fui pagando aos poucos e comprei uns prossecos em adegas, toda vez que via promoção.

Sobre convites: Eu aconselho a escolherem com 6 meses de antecedência. Porque sempre pode dar algum pepino, e o convite não pode atrasar.

Sobre as roupas: Na verdade o fraque, eu escolhi 20 dias antes do casamento, porque é muito simples. Dei 2 opções pro meu marido e deixei a moça do lugar responsável por convencer ele a usar o que eu queria. (haha)

Sobre a música: Aqui no DF tem que se pagar uma taxa para ter música no casamento o ECAD, e se você esquecer de pagar, corre o risco de aparecer um fiscal e parar sua festa.

Sobre as fotos: Certifique-se do tamanho da equipe e peça para que isso conste do contrato. Eu não fiz isso e me senti prejudicada.


Meu buquê na mesa do bolo.

Coisinhas: Bijus, sapatos, maquiagem, salão, lista de padrinhos, decorar a cor das roupas das madrinhas, fazer lista de casamento uns 3 meses antes, chá de panela, achar uma casa pra morar, fazer reforma.....

Mas lembre-se, o importante mesmo no casamento é assinar o tal do papel. É receber a Benção (seja qual for sua religião), é estar casada com a pessoa que você ama.

No meu casamento, me irritei com vários dos serviços que contratei, alguns arranjos saíram errados, não gostei muito das fotos e achei que o cerimonial poderia ter sido melhor.

Mas no final das contas, o que importou foi sair de lá e ir pra um hotel, todo enfeitado pelas minhas primas e ao me deitar do lado do meu marido poder conversar sobre tudo que deu errado e dar boas risadas na cama (No caso dele, teve alergia à ENGOV, começou a inchar no meio da festa e o rapaz do cerimonial tever que sair na chuva pra comprar um antialérgico).

Por hora é só, se me lembrar de mais alguma dica muito boa, faço um update no post!

Bjs, Bjs das Titas!




5 comentários:

  1. Amei o post. Me casei no inicio desse ano...da uma saudade a epoca que eu estava fazendo os preparativos e fico super emocionada quando vejo um salão pronto pro casamento.

    Amei meu casamento e não tive problemas com os fornecedores por incrivel que pareça, mas devo isso a uma comunidade que tem no orkut das noivas aqui de Belém.
    Lá todas as noivas comentam sobre os servços, o que gostou e o que não gostou...Acho que com essa ajuda e minha intuição (hehehe) acertei nos fornecedores.

    Para todas as noivinhas, boa sorte e muita calma..Tudo vai da certo e o mais importante: Se no dia alguma coisa der errado, esquece e aproveita a festa...é uma vez só que você vai ter esse momento tão especial.

    Beijos

    Ah Carol, pelas fotos sua festa foi linda. Parabens!!

    ResponderExcluir
  2. Humm, otimas dicas, não so para casamento, mas tb servem para alguma festança que queiramos oferecer...Essas coisas de contatro de serviços é bem chato mesmo, fico ate com medooo. Mas o importante mesmo é curtir o momento!

    ResponderExcluir
  3. Gostei das dicas !
    E sobre o casamento é bem isso mesmo!!
    Rosana

    ResponderExcluir
  4. Adorei o blog,e estou seguindo!
    Sinta-se à vontade em seguir o meu,e confira os sorteios que estão rolando por lá!
    http://infinitofeminino.blogspot.com/
    Todos os sorteios estão linkados na lateral,é só clicar no desejado.
    Leia as regras,é bem fácil participar!
    Espero a sua visita.
    Fique com Deus!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Ahhhh prima!!! 1a vez q venho aqui te visitar.

    Seu casamento estava PERFEITO!!!!! Vc tava lindona, festa super gostosa e animada, tudo muito certo. A sua valsa inusitada foi ótima.
    Nao sabia q Marcelo tinha tido alergia ao ENGOV.. hehe... E q bom q gostou da nossa arrumação na lua de mel...

    bjim prima!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário! Adoramos saber sua opinião sobre nossos posts! Se tiver sugestões, pode deixar aqui que leremos e responderemos! Bjs, Bjs das Titas.